Três é bom demais

Nesta semana, começou oficialmente a gravação do meu (o “meu”, é claro, inclui um bando de gente tão dona quanto eu) terceiro disco. Estou muito feliz. Ao longo do tempo, meus sonhos, fantasias, planos, tudo relacionado à música foi mudando. A vontade de ser um superstar megafamoso foi diminuindo, por conta da realidade mesmo e também por causa das opções de vida que fui fazendo. Depois de um tempo sem saber o que queria de fato, veio claro pra mim um desejo que me parecia possível de realizar: constituir uma obra. Um trabalho consistente, do qual me orgulhasse e que tivesse um tamanhinho considerável.

Pois chegar ao número três é um passo importantíssimo pra essa realização. Sei lá, pode ser viagem minha, mas três discos me parecem um número decente, razoável o bastante pra me fazer sentir que tenho “uma obra”. E, se agente parar pra pensar, é coisa pacas mesmo. Tanta banda nem chegou ao segundo. No meio independente, então, é tão cheio de gente que parou no primeiro. Ou que nunca lançou algo além de demos.

Por isso, não consigo deixar de ser muito entusiasmado com tudo o que rola relacionado à música independente. Selos, produtoras, festivais, rádios, sites. Tudo possibilita a vários artistas exatamente isso que está me deixando tão feliz: a chance de lançar seus trabalhos dignamente e formar um pequeno público. Alguns anos atrás, esses músicos estariam condenados a não serem conhecidos por ninguém além de seus amigos.

Por essa realização que começa a se conretizar agora, devo muitos agradecimentos. Além de meus parceiros (principalmente meu irmão-parceiro-sócio, Ju) e músicos que tocam e tocaram comigo, sou muito grato ao selo Senhor F. É foda demais fazer parte de um projeto que pensa em proporcionar uma carreira aos seus artistas, investindo neles com paciência, sem pressão de “dar certo”. Poder gravar num belo estúdio e ter a produção do Philippe Seabra e contar com o Fernando Rosa pra conversar sobre o que estamos fazendo, pensar os próximos passos, pedir conselhos é um privilégio e tanto. Ah, como eu sei disso.

Agora, é torcer pra que o disco saia bonito. E que as músicas sejam boas. E que a gente consiga lançá-lo ainda este ano. E que alguém goste. 🙂

PS: A imagem desse post é uma homenagem ao Glauco. “Como te chamas? Miguelito! Te chamavas!”

Anúncios

5 Responses to “Três é bom demais”


  1. 1 eu e/ou mim 13/03/2010 às 03:03

    >'Agora, é torcer pra que o disco saia bonito. E que as músicas sejam boas. E que a gente consiga lançá-lo ainda este ano. E que alguém goste.' :-)se será lançado esse ano, não sei; mas que, com certeza, o disco sairá bonito, as músicas serão boas e alguém irá gostar, pode anotar meu nome, que isso eu garanto!=]

  2. 2 Ivan 13/03/2010 às 11:38

    >excelente. aguardaremos.

  3. 3 Beto Só 15/03/2010 às 00:26

    >Valeu, Kamila.Abração, Ivan!

  4. 4 gilson joe 31/03/2010 às 17:01

    >Parabéns Beto!Quando você lança um cd, a gente fica feliz demais, pois é um presente que a gente recebe, acredito muito no seu trabalho e vou ficar no aguardo, porque vc lançando o cd, com pré e produção do Phelipe, não tem como vir coisa ruim cara, vamos aguardar, abraço, Gilson Joe.Los Quebraditos e Coletivo Insônia!

  5. 5 Beto Só 01/04/2010 às 15:24

    >Valeu, Gilson! Obrigado pela visita e pelo recado gentil. Abs!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Contato

humberto.rezende@gmail.com

Comprar CDs

Clique para baixar o CD (.zip)

Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Instagram

Houve um erro ao recuperar imagens do Instagram. Uma tentativa será refeita em poucos minutos.

Arquivo


%d blogueiros gostam disto: